In Memoriam Credidio Rosa (4/9/1938 - 6/8/2014)

domingo, 21 de janeiro de 2018

Brancos Portugueses com bom C/B

CLUVINHO - JANEIRO 2018

TEMA - BRANCOS PORTUGUESES COM C/B

LOCAL - CLUB ATHLETICO PAULISTANO


Mais uma vez mudamos o formato de nossa degustação: foram 6 vinhos dentro do tema,  "BRANCOS PORTUGUESES COM BOM C/B" (custo/benefício). Iniciamos com a degustação de 5 vinhos e o sexto ficou para o jantar, sem uma avaliação formal.

Temos seguido o ditado: “Renovar ou morrer”, então vamos renovar. Em nossa reunião do dia 16/01, os vinhos, cada um de uma diferente região de Portugal, são todos importados pela Mistral. Unanimidade na aprovação dos vinhos.


LYBRA 2015 - Produzido por Quinta do Monte D’Oiro, da região do Alenquer, um corte de Viognier, Arinto e Marsane, 5 meses em cuba de inox, GA - 13,5%, preço R$ 120,00, apesar de ter ficado em quinto lugar na avaliação, um vinho agradável.

QUINTA DE SAES BRANCO 2015 - Produzido por Quinta da Pellada, região Dão, um corte de Encruzado, Malvasia Fina e Cerceal, estagia em pequenos barris por 5 meses, GA - 13%, preço R$ 92,60, boa acidez, ficou em quarto lugar.

VINHAS VELHAS BRANCO 2015 - Produzido por Luis Pato, região da Bairrada, um corte de Bical, Cerceal e Sercialinho, passa por cuba de inox e barrica de castanho, GA - 13%, preço R$ 116,00, cítrico com boa acidez, ficou em terceiro lugar.

ALTANO BRANCO 2015 - Produzido por Symington/Altano, região do Douro, um corte de Malvasia Fina,Viosinho, Rabigato, Moscatel e Galego, sem madeira, GA - 12,5%, preço R$ 78,85, toque de anis e musgo, ficou em segundo lugar.

QUINTA DO CARMO BRANCO 2013 - Produzido por Quinta do Carmo, região Alentejo, corte de Roupeiro 70%, Arinto 15% e Antão Vaz 15%, sem madeira, GA - 13%, preço R$ 127,00, muito elegante, o campeão da noite.


Durante a degustação foi servido um couvert especial com diversos tipos de pães, manteigas e acepipes. Para iniciar o jantar foi servido Salmão e Haddock com vinagrete de manga e folhas verdes; prosseguiu com uma Pescada Branca com champignons, aspargos e alho porro e, como grand finale, um creme Brûleé como sobremesa. Um jantar excelente, aprovadíssimo por todos os participantes. O vinho do jantar foi o excelente QUINTA DA LAGOALVA TALHÃO 2015, produzido por Quinta da Lagoalva de Cima, da região do Tejo, um corte de Fernão Pires 50%, Arinto 40% e Alvarinho 10%, sem madeira, GA - 13%, preço R$ 92,60, aprovado por todos

Cred não nos abandone.



Taba

As últimas aqui no blog